O sistema de gerenciamento de conteúdo (Content Management System – CMS, na sigla em inglês) WordPress representa 30% de todos os sites na web. Os dados são de estudo da W3Techs, administrado pela empresa de consultoria austríaca Q-Success, que examina os 10 milhões de sites classificados no serviço de monitoramento Alexa (Não a assistente virutal, mas sim uma empresa, também da Amazon, que fornece dados de tráfego na internet e análise de dados).

O número representa um aumento de 5 pontos percentuais em quase dois anos e meio, depois que o WordPress atingiu a marca de 25% em novembro de 2015.

Os números são atualizados diariamente e consideram toda a web, independentemente do site usar ou não um sistema de gerenciamento de conteúdo (CMS). Olhando apenas para o mercado de CMS, o WordPress contabiliza 60,2% de participação, ante 58,7% em novembro de 2015. O rival mais próximo em CMS, o Joomla, viu seu uso saltar de 2,8% para 3,1%, enquanto o Drupal está em leve alta 2,1% para 2,2%.

A liderança absoluta do WordPress é evidente, mas vale destacar que 50% de todos os sites são construídos a partir do zero ou utilizam CMS atualmente não monitorados pela W3Techs.

O avanço do WordPress é uma boa notícia para a comunidade de desenvolvedores que criam plugins e temas para CMS de código aberto, bem como para hosts da web que oferecem pacotes WordPress e designers que oferecem aos clientes sites e lojas com base em WordPress.

Confira o estudo completo no portal da W3Techs.

Responder